requisitos de viagem para cruzeiros no Mediterrâneo

o que você precisa saber
antes do seu cruzeiro


É responsabilidade de cada hóspede verificar os requisitos de viagem antes do cruzeiro. A MSC Cruzeiros trabalhou com as autoridades 
em todas as regiões e países nos quais os navios operam para garantir que seu protocolo atenda e supere as medidas de saúde e segurança exigidas.

Os detalhes abaixo estão sujeitos a alterações.

COVID-19: MEDIDAS DE EMBARQUE

Antes de reservar seu cruzeiro, verifique aqui se você tem permissão para embarcar de acordo com seu país de residência. Devido à pandemia de COVID-19, podem haver restrições à viagens internacionais, dependendo do destino do cruzeiro e do país de residência

O protocolo de saúde e segurança da MSC Cruzeiros está sujeito a mudanças e adaptações ao longo da pandemia 

Para todas as viagens os hóspedes maiores de 12 anos deverão cumprir pelo menos um destes requisitos para serem autorizados a bordo:


  • Estar totalmente vacinado e apresentar um teste RT-PCR ou teste de antígeno negativo obtido dentro de 48 horas antes do embarque. Os hóspedes devem trazer o certificado do teste negativo válido para o terminal. Os hóspedes terão que apresentar um Certificado Digital Covdi-19 da UE ou documentação válida equivalente. 

 

  • Ter se recuperado da COVID-19 nos últimos 6 meses, ter um certificado de verificação ou QR Code confirmando essa informação, e apresentar um teste RT-PCR ou teste de antígeno negativo feito 48 horas antes do embarque.

Hóspedes de 2 a 11 anos de idade devem apresentar um RT-PCR ou teste de antígeno dentro de 48 horas antes do embarque. Os hóspedes devem trazer o certificado do teste negativo válido para o terminal.  Não há requisitos de teste ou vacinação para hóspedes com menos de 2 anos de idade.

Os hóspedes são considerados totalmente vacinados se:
Nos últimos 9 meses e 14 ou mais dias antes da partida, eles receberam duas doses de vacinas de acordo com os regulamentos locais, incluindo Pfizer, Moderna, AstraZeneca, Johnson & Johnson e Novavax (para o MSC Lirica também são aceitas as vacinas Sinovac, Sinopharm e Sputnik V) . Uma combinação de vacinas da lista acima também é aceita. Se mais de 9 meses (270 dias) se passaram desde o recebimento das duas doses das vacinas, uma vacina de reforço será necessária para embarcar, com exceção de Hóspedes de 12 a 17 anos.

 

A partir de 14 de maio, a dose de reforço não é obrigatória para hóspedes com idades entre 12 e 17 anos. Os hóspedes com idades entre 12 e 17 anos são considerados totalmente vacinados se tiverem completado o ciclo primário de vacinação - 2 DOSES DA VACINA (de acordo com os regulamentos locais).


Os hóspedes que receberam o ciclo vacinal completo de vacinas e tomaram uma dose de reforço ou se recuperaram da Covid-19 são considerados totalmente vacinados e seus certificados são considerados válidos sem data de expiração.

 

Os certificados de vacinação devem ser válidos durante todo o cruzeiro. Os hóspedes que se recuperaram do Covid-19 ou receberam apenas uma dose da vacina são considerados totalmente vacinados, desde que tenham recebido a vacina e se recuperados do Covid-19 nos últimos 6 meses e tenham um certificado de verificação ou QR Code confirmando a informação.

Observação: 2 doses de uma vacina não aprovada pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA) mais um reforço aprovado pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA) (incluindo Pfizer, Moderna, AstraZeneca, Johnson & Johnson e Novavax) serão aceitos para embarque somente se a dose de reforço foi recebida dentro de no máximo 6 meses e de no mínimo 28 dias após a segunda dose de vacina.

Importante: O autoteste de antígeno não será aceito para embarque

 

Requisitos adicionais de viagem para Israel

Informações para Hóspedes que embarcam em Haifa (Israel)

Uma declaração de entrada deve ser preenchida por todos os hóspedes dentro de 48 horas antes da partida do navio. A declaração deve ser preenchida como uma declaração de saída antes da partida https://corona.health.gov.il/en/flights/.


Informações para Hóspedes em trânsito em Israel

Todos os Hóspedes devem preencher uma declaração de entrada antes de partir de Kusadasi https://corona.health.gov.il/en/flights/


Aviso importante para os passageiros que embarcam em Valletta (Malta)


O certificado original do resultado do teste e o certificado de vacinação devem ser apresentados no terminal (em papel ou formato eletrônico) e devem estar em um dos seguintes idiomas: inglês, italiano, alemão, francês ou espanhol. O certificado do teste COVID 19 deve conter: dados pessoais do hóspede (verificáveis com os demais documentos de viagem), data do teste, identificação/contato do centro que realizou a análise, técnica utilizada e resultado negativo do teste.

 


o que você precisa saber
sobre O embarque

TRIAGENS DE SAÚDE E CHECKLIST DE EMBARQUE

De acordo com o nosso rigoroso protocolo de Saúde e Segurança da MSC, todos os hóspedes vacinados e não vacinados precisarão passar por uma triagem de saúde, incluindo mas não limitado a um questionário de saúde e uma verificação de temperatura sem contato, no terminal antes do embarque.  

Certifique-se de revisar nossas medidas de saúde e segurança em vigor em nossos terminais e de trazer:

  • Uma cópia impressa do formulário de embarque (disponível no seu bilhete de cruzeiro)
  • Uma cópia impressa do questionário de saúde obrigatório devidamente preenchido e assinado nas 6 horas anteriores ao embarque (disponível no seu E-ticket)
  • O teste de COVID-19 original e certificado de vacinação (em papel ou formato eletrônico) deve indicar que a vacinação completa ocorreu nos últimos 9 meses (6 meses para residentes da Itália). Os hóspedes que receberam a vacina de reforço estão isentos da restrição de 9 meses.

  • Um documento de identidade válido

Negaremos o embarque em caso de: 

  • Sintomas, por exemplo, febre (> 37,5 C C / 99,5 F), tosse, falta de ar, calafrios, dores musculares / corporais, fadiga, dor de cabeça, dor de garganta e perda de paladar / olfato nos 14 dias anteriores ao embarque
  • Exposição potencial a um caso suspeito ou confirmado de COVID 19 nos 14 dias anteriores ao embarque
  • Restrições temporárias de viagem com base nas circunstâncias locais. Por exemplo, certos países podem negar vistos ou proibir a entrada com base no histórico de viagens ou nacionalidade. 


O QUE VOCÊ PRECISA SABER
SOBRE O DESEMBARQUE

DESEMBARQUE E O RETORNO PARA CASA

Um teste de COVID-19 ou formulário de localização de passageiros (PLF) ainda pode ser necessário para o requisito de mobilidade nacional ou internacional: é responsabilidade de cada hóspede verificar esse requisito antes da partida. Para mais informações, é recomendável verificar os canais oficiais das autoridades competentes de seu país.

A partir de 1º de abril de 2022
, os hóspedes poderão desembarcar de forma independente, de acordo com os requisitos locais, que são monitorados continuamente e estão sujeitos a alterações. Os hóspedes que viajam com crianças não vacinadas também podem desembarcar de forma independente. Para uma melhor experiência em terra, recomendamos que todos os hóspedes explorem os destinos com o conforto, conveniência e segurança de uma Excursão Terrestre da MSC Cruzeiros, reservável a bordo e  pré-cruzeiro.


Requisitos adicionais de viagem para Israel

 

Informações para Hóspedes em trânsito em Israel

 

Todos os Hóspedes devem preencher uma declaração de entrada antes de partir de Kusadasi https://corona.health.gov.il/en/flights/

 

Para apoiar os hóspedes no cumprimento dos requisitos internacionais de mobilidade, a MSC Cruzeiros organizou a possibilidade de seus hóspedes comprarem e realizarem um teste RT-PCR ou um teste de antígeno durante o cruzeiro. Mais informações na seção FAQ.

Os hóspedes que viajam de navio de cruzeiro, precisarão enviar o PLF uma vez e, como país de destino, selecionar o país de seu desembarque final. Eles terão que inserir no sistema eletrônico os nomes dos portos visitados pelo navio durante o cruzeiro. (https://app.euplf.eu/#/)

 

- OUTROS REQUISITOS DE VIAGEM

Antes de reservar seu cruzeiro, verifique aqui se você tem permissão para embarcar de acordo com seu país de residência. Devido à pandemia de COVID-19, podem haver restrições à viagens internacionais, dependendo do destino do cruzeiro e do país de residência.


Um teste de COVID-19 ou formulário de localização de passageiros (PLF) ainda pode ser necessário para o requisito de mobilidade nacional ou internacional: é responsabilidade de cada hóspede verificar esse requisito antes da partida. Para mais informações, é recomendável verificar os canais oficiais das autoridades competentes de seu país.

O uso de máscaras faciais é altamente recomendado. Em determinadas circunstâncias, esta recomendação pode ser devida a um requisito obrigatório das autoridades de saúde de um país ou porto de escala visitado. Quando em terra, os hóspedes também devem seguir os regulamentos locais relativos ao uso de máscaras faciais. Esses protocolos estão sujeitos a alterações.


De acordo com os últimos regulamentos impostos pelas autoridades italianas, todos os visitantes devem usar uma máscara do tipo FFP2 ao embarcar em um transfer de ônibus no território italiano. Os hóspedes que não cumpram este requisito não serão aceitos a bordo.

 

Requisitos adicionais de viagem para Israel

 

Informações para Hóspedes que embarcam em Haifa (Israel)

 

Uma declaração de entrada deve ser preenchida por todos os hóspedes dentro de 48 horas antes da partida do navio. A declaração deve ser preenchida como uma declaração de saída antes da partida https://corona.health.gov.il/en/flights/.

 

 

Informações para Hóspedes em trânsito em Israel

 

Todos os Hóspedes devem preencher uma declaração de entrada antes de partir de Kusadasi https://corona.health.gov.il/en/flights/

 

Aviso importante para os passageiros que embarcam em Valletta (Malta)

 

Como durante um cruzeiro, você pode estar exposto a riscos específicos da COVID-19 que geralmente não são cobertos pelas apólices de seguro existentes, para garantir sua tranquilidade é altamente recomendável - para todas as novas reservas a partir de 1º de julho de 2022 - para todos os hóspedes ter uma apólice de seguro que os cubra especificamente contra riscos relacionados a COVID-19, como cancelamento, interrupção, despesas de repatriação, quarentena, assistência médica e despesas relacionadas, bem como hospitalização. Se você não tiver seguro, observe que pode estar exposto a custos adicionais que não poderiam ser cobertos pela empresa.


O seguro deve estar em vigor para cobrir você e sua família, desde a confirmação de sua reserva até o final do cruzeiro, ou do pacote de viagens em caso de cruzeiros com voo ou hotel.