Khor al Fakkan

Um emirado ultraconservador 
Uma agradável e espetacular baía
Forte Fujairah

Procurar cruzeiros em Dubai, Abu Dhabi & Sir Bani Yas

Khor al Fakkan

Rigor e elegância sob céus estrelados

De um navio da MSC, no Golfo de Omã, é possível ver a grande cidade de Khor al Fakkan (ou Khawr Fakkan), que se estende ao redor de uma baía espetacular, uma das mais belas dos Emirados Árabes Unidos. O porto no qual o navio fica ancorado faz parte do ultraconservador emirado de Sharjah, onde não há bebidas alcoólicas, o qual não desfrutou da expansão turística que sua localização poderia sugerir.
É um lugar agradável para uma excursão durante a viagem, com uma bela via à beira-mar, completa com mercado de peixes, um trecho tentador de praia, por se tratar de Sharjah, aconselha-se trajes de banho conservadores, e vistas de um local famoso para mergulhos, Sharq Island, às vezes traduzido incorretamente como a alarmante “Ilha dos tubarões”, embora sharq seja, na verdade, apenas a palavra árabe que significa “leste”.

Quem visita Khor al Fakkan deve considerar uma excursão a Fujairah, que apresentou uma pequena expansão recentemente, em especial devido ao desenvolvimento econômico nos emirados vizinhos, principalmente Dubai. O foco é o imponente porto de reabastecimento de petróleo, o terceiro maior do mundo depois de Cingapura e Roterdã, na extremidade sul da cidade, de onde é exportada a maior parte do petróleo dos Emirados Árabes Unidos, pois a localização no litoral leste evita que os navios façam o percurso de dois dias em torno da extremidade da península arábica.

Geralmente, há uma fila de vários quilômetros de extensão formada por petroleiros próximo ao litoral aguardando sua vez nas bombas. A principal atração da cidade é o fotogênico Forte Fujairah, próximo a Madhab Road, ao norte do centro da cidade. Do século XVI, é o mais belo dos inúmeros fortes dos Emirados Árabes Unidos, com paredes altas e despojadas que se erguem para formar um belo conjunto de torres e ameias, emoldurado de forma dramática pelo cenário fabuloso das Montanhas Hajar.

Lugares imperdíveis em Khor al Fakkan

Conheça nossas excursões

    Emirados Árabes Unidos

    Diamantes que brilham no deserto
    Diamantes que brilham no deserto

    Dubai é, na verdade, um dos sete pequenos estados que formam coletivamente os Emirados Árabes Unidos, ou EAU, uma confederação livre fundada em 1971, após a saída dos britânicos do Golfo.

    Tecnicamente, os sete emirados são considerados iguais e preservam uma medida considerável de autonomia legislativa, um pouco como os diversos estados dos EUA – o que explica, por exemplo, porque as leis locais são tão diferentes daquelas da vizinha Sharjah.

    Na prática, existe uma clara difereça entre eles. Abu Dhabi é o maior e mais rico dos emirados, serve como a capital (mesmo com a cidade de Abu Dhabi tendo apenas metade do tamanho de Dubai) e detêm uma grande influência sobre a política nacional, além de proporcionar aos EAU seu presidente.

    Dubai fica em segundo lugar, seguido por Sharjah e depois pelos outros emirados de Umm al Quwain, Ras al Khaimah, Ajman e Fujairah.

    O fato da união ter sobrevivido mesmo com as diferenças de opinião, algumas vezes consideráveis, entre Dubai e Abu Dhabi, é um grande tributo à diplomacia local.