Porto Luís

A capital de Maurício
As praias esplêndidas de Ile aux Cerfs
O Jardim Botânico Pamplemousses

Procurar cruzeiros no Sul da África

Porto Luís

Palácios elegantes e litoral esplêndido

Férias na Ilha Maurício com um cruzeiro da MSC significa desembarcar em Porto Luís. É a capital dessa nação próxima ao litoral de Madagascar que, junto com sua irmã gêmea, Ilha da Reunião, representa uma escala imperdível em uma viagem da MSC pelo sul da África.

Porto Luís leva a sério sua função de primeira cidade do país e expandiu-se com o tempo, com novas ruas, edifícios e bela alameda. Depois que nosso navio atracar, você poderá caminhar pelo Caudan Waterfront, repleto de antigos canhões e muitas lojas. Vestígios do passado colonial de Porto Luís podem ser vistos em Place D’Armes, onde a estátua de Bertrand François Mahé, o conde de La Bourdonnais e ex-governador da ilha, observa os transeuntes, cercada de palmeiras.

A curta distância fica Government House. Construída em 1738, tem a forma de ferradura e é protegida por uma cerca de ferro guardada pela estátua de uma Rainha Vitória de semblante sério. No mesmo bairro, há também o mercado central e o parque da cidade, Jardins de la Compagnie. Contudo, é uma antiga propriedade do Conde de La Bourdonnais que abriga um jardim ainda mais espetacular, o Jardim Botânico Pamplemousses.

Não há motivo no mundo que justifique perder a excursão MSC a esse jardim, que tem mais de 300 anos. No decorrer dos séculos, ele tem sido muito bem cuidado por jardineiros especializados que lentamente o enriqueceram com espécies de plantas de três continentes: Ásia, África e Oceania. Se você prefere o mar à vegetação, outra excursão MSC altamente recomendada o leva a passar o dia do outro lado de Maurício, nas praias esplêndidas de Ile aux Cerfs, assim chamada devido aos cervos importados aqui para caça.

Lugares imperdíveis em Port Louis

Conheça nossas excursões

    Ilha Maurício

    Um caldeirão de culturas
    Um caldeirão de culturas

    A quase 900km depois de Madagascar no Oceano Índico, a Ilha-Maurício fica distante o suficiente para ser omitida de quase todos os mapas da África do Sul.

    Eventualmente, ela também é excluída das contas do continente, talvez porque sua atmosfera, arquitetura e panorama sejam muito diferentes do continente. Com uma população multicultural descendente dos colonizadores franceses, britânicos e indianos, assim como os africanos, ela parece um pouco europeia, parte asiática e parte internacional.

    Em sua viagem para a Ilha Maurício, você verá coloridos templos Tamil na cor tutti-frutti junto com um desenvolvimento moderno comum em parques tropicais como Queensland e o Caribe. Em um cruzeiro para a Ilha Maurício, os principais pontos de visita são a praia de luxo e os resorts de golfe. Se você for do tipo que gosta de sua areia, seus clubes de golfe polidos, sua jacuzzi cheia de pétalas e suas toalhas esculpidas em forma de cisnes, este é o lugar certo para você. A Ilha Maurício é calma, sossegada e rica, seus cofres cheios de investimento estrangeiro em sua cena próspera de negócios e seus projetos luxuosos de habitação.

    As estradas estão em condições boas para fazer com que a viagem até a Ilha Maurício seja um prazer e, embora muito pouco da paisagem permaneça intocada pela agricultura, pela exploração madeireira e pela caça, algumas poucas lindas regiões selvagens foram mantidas, com trilhas de caminhada pouco usadas.