MSC Cruzeiros se torna a primeira Companhia do setor a retomar as navegações com embarques em Barcelona

A escala do MSC Grandiosa em Barcelona no final de semana representou o primeiro cruzeiro internacional da Espanha desde março de 2020
A inclusão de Barcelona enriquece o itinerário do MSC Grandiosa oferecendo um novo porto de embarque e um novo destino para os hóspedes 
MSC Grandiosa | MSC Cruises

O porto de Barcelona foi reaberto nesse último fim de semana para cruzeiros internacionais, e o MSC Grandiosa se tornou o primeiro navio a receber de volta a bordo turistas espanhóis e de outros países do Espaço Schengen.

Os cruzeiros de sete noites fazem escalas nos portos italianos de Gênova, Civitavecchia, próximo a Roma, Nápoles e Palermo, além de Valeta, em Malta.

Gianni Onorato, CEO da MSC Cruzeiros, disse: “Barcelona é parte integrante dos nossos itinerários durante o ano todo no Mediterrâneo, e ver a cidade reabrir para os nossos hóspedes da Espanha e de outros países da Europa é extremamente gratificante. A inclusão de Barcelona foi muito bem-vinda ao número cada vez maior de portos que estão se abrindo para negócios após uma longa pausa nas operações. Como a primeira empresa a oferecer cruzeiros internacionais partindo da Espanha, temos certeza de que nossos hóspedes espanhóis desfrutarão da conveniência de embarcar em Barcelona aos sábados, e do popular itinerário que o MSC Grandiosa oferece no Mediterrâneo ”.

O porto de Barcelona é de grande importância para a posição da MSC Cruzeiros de líder de mercado na Europa e, no início deste mês, a Companhia recebeu a aprovação oficial para operar e administrar um terminal de cruzeiros exclusivo, de 11.670 m2, com conclusão prevista para 2024.

A MSC Cruzeiros trabalhou em conjunto com as autoridades espanholas tanto centrais quanto locais, incluindo o Ministério da Saúde (Ministerio de Sanidad) e com os Portos do Estado (Puertos del Estado), para garantir que as medidas de saúde e segurança, implementadas como parte do reinício das operações, atendessem e superassem todas as regulamentações locais e nacionais, incluindo a testagem dos passageiros que desembarcam em Barcelona, com a realização de testes de antígeno dentro de 48 horas após o desembarque, ao final do cruzeiro. A MSC Cruzeiros desenvolveu um protocolo de saúde e segurança, líder da indústria, que foi implementado pela primeira vez em agosto de 2020, quando o MSC Grandiosa começou a navegar no Mediterrâneo e, desde então, a empresa recebeu com segurança dezenas de milhares de passageiros a bordo.

A partir do final de julho, o MSC Grandiosa adicionará outro porto espanhol importante ao seu itinerário: o porto de Valência, com embarques às sextas-feiras. Depois disso, o navio realizará escalas em Barcelona e nos portos italianos de Gênova, de La Spezia, próximo à Florença e Pisa, e de Civitavecchia, próximo a Roma.

O MSC Grandiosa é um dos navios mais avançados em termos ambientais da frota da MSC Cruzeiros, e possui sistema de redução catalítica seletiva de última geração, além de sistemas avançados de tratamento de águas residuais. O MSC Grandiosa recebeu no ano passado a certificação ‘biosafe ship’, da sociedade de classificação RINA.

Mais portos serão reabertos nas próximas semanas na Europa, e o reinício gradual das operações da MSC Cruzeiros segue conforme planejado pela Empresa, com seis navios operando neste verão do Hemisfério Norte no Mediterrâneo e no Norte da Europa.

O MSC Seaview iniciará cruzeiros no Mar Báltico, a partir do dia 3 de julho, do seu homeport em Kiel, na Alemanha, com itinerários de sete noites para a Suécia e a Estônia, e o MSC Seaside, a partir do dia 4 de julho, recomeçará oficialmente a realizar cruzeiros partindo de Marselha, na França.

O MSC Magnifica retomou as viagens na semana passada no Mediterrâneo Oriental, unindo-se ao MSC Splendida e ao MSC Orchestra na região. O MSC Virtuosa está operando desde o dia 20 de maio, em cruzeiros pelo Reino Unido, apenas para residentes locais.

O MSC Meraviglia retomará os cruzeiros pelo Caribe partindo de Miami, no dia 2 de agosto, e, o MSC Divina reiniciará os cruzeiros partindo de Port Canaveral, próximo a Orlando, na Flórida, a partir do dia 18 de setembro.

O MSC Seashore entrará em operação a partir de agosto, com viagens pelo Mediterrâneo Ocidental, e, em novembro, o mais novo navio da Companhia irá para Miami para uma temporada no Caribe.