MSC recebe o MSC Seashore do estaleiro Fincantieri

• O mais novo navio da MSC Cruzeiros apresenta algumas das mais recentes e avançadas tecnologias ambientais atualmente disponíveis no mar, confirmando o compromisso de longa data da Companhia com a sustentabilidade
• Ele é o segundo novo navio a se juntar à Companhia em 2021, aumentando a frota para 19 navios
• O MSC Seashore oferecerá cruzeiros durante verão do Hemisfério Norte no Mediterrâneo, antes de ir para Miami em novembro

 
MSC Seashore | MSC Cruises

A Divisão de Cruzeiros do Grupo MSC recebeu oficialmente o seu mais novo navio, o MSC Seashore - o maior navio de cruzeiro a ser construído na Itália. Seu navio-irmão, o MSC Seascape, está atualmente em fase de construção no estaleiro em Monfalcone, na Itália, e está previsto para iniciar as suas operações no fim de 2022.

 

 

Uma pequena cerimônia foi realizada para marcar a ocasião, de acordo com a tradição, no estaleiro Fincantieri, em Monfalcone, e contou com a presença do Presidente Executivo da MSC Cruzeiros, Pierfrancesco Vago, outros membros das famílias Aponte e Aponte-Vago, Giampiero Massolo e Giuseppe Bono, Presidente e CEO do Fincantieri, bem como representantes da equipe de novas construções da MSC, junto com executivos e colaboradores do estaleiro. Durante a cerimônia, que homenageia tradições marítimas centenárias, Roberto Olivari, diretor do estaleiro Fincantieri, presenteou Giuseppe Galano, Comandante do MSC Seashore, uma ampola contendo a água que tocou o casco pela primeira vez, quando o navio flutuou no início deste ano.

Assista o Vídeo

 

Pierfrancesco Vago, Presidente Executivo da Divisão de Cruzeiros do Grupo MSC, comentou: “A construção do MSC Seashore constitui um investimento que gera impactos econômicos diretos e indiretos de quase 5 bilhões de euros na economia italiana. Ao mesmo tempo, o início das suas operações também ativa uma importante movimentação econômica e de empregos para as comunidades que visitamos e muito mais, gerando um impacto econômico significativo a cada ano para a indústria do turismo. "

 

 

“Nosso mais novo navio é mais uma prova da nossa liderança em sustentabilidade, já que cada novo navio apresenta as mais recentes e avançadas tecnologias e soluções ambientais. Somado a isso, além do nosso protocolo de saúde e segurança, líder do setor, o MSC Seashore é o primeiro navio de cruzeiro do mundo a apresentar um novo e inovador sistema de sanitização do ar. O ‘Safe Air’ utiliza a tecnologia de lâmpada UV-C, eliminando 99% dos vírus e bactérias, garantindo um ar limpo e seguro para todos os hóspedes e para a tripulação a bordo.

 

 

Pierfrancesco Vago continuou: “O MSC Seashore também demonstra nosso compromisso contínuo com a inovação em termos de experiência do hóspede. Ele é, sem dúvida, a nossa embarcação mais deslumbrante e sofisticada até o momento, e eleva a um nível totalmente novo a já bem-sucedida classe Seaside, com espaços públicos totalmente reprojetados, um novo lounge e uma oferta mais ampla de restaurantes e lojas, entre muitos outros recursos novos e aprimorados. Isso criará uma experiência a bordo única para nossos hóspedes neste verão do Hemisfério Norte no Mediterrâneo e quando o navio for direcionado para Miami para representar todos os valores de nossa marca, junto aos consumidores norte-americanos ”.

 

 

Giuseppe Bono, CEO do Fincantieri, afirmou: “O MSC Seashore é o quarto navio de cruzeiro que entregamos na Itália neste este ano tão exigente, demonstrando a eficácia de nosso sistema de produção e gestão. Todos esses marcos, e outros que virão, foram alcançados com sucesso e isso não é algo natural no momento. É por isso que considero este navio não apenas o melhor símbolo de recuperação para todo o setor de cruzeiros, mas também da capacidade do Grupo em alavancar suas competências e solidez para preservar integralmente nossa carga de trabalho. ”

 

 

A mais recente e avançada tecnologia ambiental

A MSC está comprometida em construir alguns dos navios de cruzeiro mais inovadores do mundo - e essa inovação também se aplica ao desempenho ambiental da Companhia. Com um objetivo de longo prazo de alcançar uma operação com carbono neutro até 2050, cada novo navio representa mais um passo em direção a essa meta, junto com outros investimentos para ajudar a acelerar o desenvolvimento de tecnologias ambientais de ponta. O MSC Seashore não é exceção, e apresenta tecnologias e equipamentos ambientais de última geração que minimizarão seu impacto. Isso inclui sistemas híbridos de limpeza de gases de escape (EGCS) e sistemas de redução catalítica seletiva (SCR) de ponta, alcançando uma redução de 98% das emissões de óxido de enxofre (SOx) e reduzindo as emissões de óxido de nitrogênio (NOx) em 90%. O sistema de tratamento de águas residuais foi projetado de acordo com a Resolução MEPC 227 (64) da Organização Marítima Internacional e atinge padrões de purificação mais elevados do que a maioria das instalações de tratamento de águas residuais em terra.


 

Novas notações da RINA

MSC Seashore recebeu duas notações de classe adicionais da sociedade de classificação RINA. A primeira é a notação ‘Sustainable Ship’, já que o navio apresenta algumas das tecnologias ambientais mais avançadas disponíveis atualmente. Esta é uma notação baseada em metas atribuídas a embarcações que demonstram que atendem aos requisitos relacionados à sustentabilidade, refletindo os objetivos estratégicos de sustentabilidade adotados pela ONU.

 

 

A segunda é a notação ‘Biosafe Ship’ para mitigação de risco de infecção, também obtida pelo MSC Grandiosa, é uma notação voluntária e baseada em metas, que certificam que o navio está equipado com sistemas, componentes, e tem um layout e procedimentos operacionais que reduzem o risco de infecções.

 

 

MSC Seashore, o navio

MSC Seashore é o primeiro navio da classe Seaside EVO, uma evolução da revolucionária e pioneira classe Seaside que une os navios-irmãos MSC Seaside e MSC Seaview, lançados em 2017 e 2018, respectivamente. Esta classe de navio é conhecida por seus glamorosos e inovadores recursos de design, e foi concebida para conectar os hóspedes com o mar. O MSC Seashore oferece uma série de novos recursos, ambientes e experiências para os seus hóspedes, já que 65% das áreas públicas do navio foram reprojetadas para levar a experiência do hóspede a um nível totalmente novo. O navio oferece 13.000 m² de áreas externas, com uma grande variedade de bares e restaurantes com espaços ao ar livre, piscinas e decks para relaxar sob o sol, além de diferentes pontos ao redor do navio para contemplar as deslumbrantes vistas do mar. Para obter mais informações sobre o MSC Seashore, clique aqui.

 

 

Navegando no Mediterrâneo e no Caribe

O MSC Seashore realizará a sua temporada inaugural no Mediterrâneo, oferecendo o popular itinerário ‘Six Pearls’ (Seis Pérolas), realizando escalas nos portos italianos de Gênova, Nápoles, para visitas à Pompéia e em Messina, na Sicília; Valeta, em Malta; Barcelona, na Espanha e Marselha, na França.

 

 

No dia 31 de outubro, o navio partirá de Gênova, na Itália, para um cruzeiro épico de 18 noites, quando o navio será reposicionado para a América do Norte. A partir do dia 20 de novembro, o navio oferecerá cruzeiros de 7 noites pelo Caribe, realizando escalas em San Juan, em Porto Rico, Charlotte Amalie, em St Thomas, Puerto Plata, na República Dominicana e, em seguida, na Ocean Cay MSC Marine Reserve, nas Bahamas – a nova ilha privativa da MSC Cruzeiros.

 

 

 

Principais especificações do MSC Seashore:

- Comprimento / largura / altura: 339m / 41m / 76m

- Tonelagem bruta: 170.400

- Hóspedes: 5.877 (capacidade máxima para curtas viagens internacionais)

- Cabines: 2.270

- Tripulação: 1.648

- Velocidade máxima: cerca de 22,4 nós

- Mais novo navio da frota global da MSC Cruzeiros

- 19º navio de cruzeiro que se junta à frota da MSC Cruzeiros