San Juan

Um passeio revigorante à beira-mar

San Juan é um dos principais destinos mundiais dos navios, e a maioria deles atraca no porto, próximo à cidade antiga.

Na década de 1970, a velha San Juan (Viejo San Juan) era apenas uma memória de tempos melhores, uma coleção pequena de relíquias coloniais espanholas, um pouco melhor do que o império que as construiu. Agora, contudo, após ampla e minuciosa restauração, essa área de sete quarteirões é considerada um dos tesouros mais bem guardados da arquitetura colonial espanhola e tornou-se Patrimônio Mundial da Humanidade.


Antes de continuar suas férias pelo Caribe, não deixe de parar em San Juan, com suas ruas íngremes e estreitas, curiosamente cobertas com tijolos lisos e iridescentes, conhecidos como adoquines, originalmente usados como lastro em navios, e edifícios diferenciados, alguns dos mais antigos no Hemisfério Ocidental, com fachadas em tons pastéis brilhantes e varandas em ferro fundido repletas de flores e plantas.


A cidade antiga ocupa o promontório de uma ilha de 4 km de extensão, ligada ao continente por uma ponte, que abriga San Juan Bay, que foi durante séculos um porto essencial no Novo Mundo. Originalmente, era conhecido como Puerto Rico, ou “porto rico”, porque sua posição o tornava uma excelente parada para embarque.


Comece as caminhadas na cidade antiga, ao longo do Paseo de la Princesa, um calçadão de pedras movimentado, e siga a oeste ao longo da muralha sul da cidade. O edifício neoclássico elegante, cinza e branco, é conhecido como La Princesa. Construído em 1837 para ser uma prisão, agora abriga os principais escritórios da PRTC, além de uma galeria que mostra a obra de artistas porto-riquenhos contemporâneos.

A muralha da cidade, conhecida como La Muralla, é uma atração fantástica. Até o final do século XIX, ela circundava toda a velha San Juan, com 3.900 metros de arenito, e culminava na fortaleza de El Morro, no promontório.

Excursões e atividades

Chegar ao porto