Kotor

A joia de Montenegro
O antigo Palácio do Reitor
Catedral de São Trifão

Procurar cruzeiros no Mediterrâneo

Kotor

Uma história gloriosa ao lado de um mar cristalino

Velejando em um cruzeiro MSC até o Mar Mediterrâneo você pode a ver a antiga cidade medieval de Kotor suspensa na borda da majestosa baía; a incontestável joia na coroa de Montenegro.

Embora não seja mais o mais bem guardado segredo da Europa, a súbita elevação de Kotor para a liga de cruzeiros de turismo não foi capaz de diminuir os eternos deleites de suas ruelas de paralelepípedo e suas isoladas praças. Existe uma abundância de cafés anexos e igrejas, as muralhas da cidade olham de forma ameaçadora através de uma série de gigantescos picos.

Abaixo, um porto agora agitado com elegantes iates marca o fim da Baía de Kotor, feita como fiorde pelas 1000m falésias que surgem verticalmente das águas serenas. Os charmes de Kotor podem ser melhor apreciados acompanhando a antiga cidade, sem mapa, e se perdendo por suas ruas labirínticas. Você provavelmente começará sua excursão entrando pelo Portão para o Mar, próximo ao porto, onde seu navio de cruzeiro MSC aguarda seu retorno, e emerge em direção à praça principal, Trg od Oružja.

Cafés surgem através das gloriosas construções, os mais notáveis deles são o velho Palácio do Reitor e a torre inclinada do relógio. Aventure-se pelas ruas e logo você estará na Catedral de São Trifão, suportada por um muro de montanhas e perfeita para tirar fotos; vale muito a pena pagar para entrar para dar uma olhada.

Em outros lugares existem diversas igrejas que merecem ser vistas, assim como um fascinante Museu Marítimo, um depósito de mapas náuticos e modelos de navios. As muralhas da antiga fortaleza ficam orgulhosamente acima da cidade e vale a escalada. Reserve pelo menos 90 minutos para o passeio de ida e volta até o Castelo de Santo Ivo, onde você terá uma maravilhosa vista dos fiordes.

Lugares imperdíveis em Kotor

Conheça nossas excursões

    Montenegro

    Uma joia inesperada
    Uma joia inesperada

    O minúsculo estado de Crna Gora é mais conhecido por seu nome italiano,  Montenegro. A tradução para o inglês – “Black Mountain” – pode soar um pouco desoladora, mas significa uma terra repleta de cores.

    Repleta de flores quase o ano todo, os musculosos picos do país são salpicados pelo verde dos pinhos, das faias e das bétulas, de onde córregos na cor turquesa correm até um tentador mar azul celeste. Sua costa Mediterrânea é repleta, de borda a borda, de praias amarelo e cinza vulcânicos e montes de pitorescas casas com telhados cor de laranja – um cartão postal ganha vida para ser admirado durante sua viagem à Montenegro.

    Embora sua costa seja a mais atraente para o viajante, a joia mais preciosa de Montenegro – a incrivelmente fotogênica Kotor – fica apenas um pouco para dentro, no fim de uma baía que parece um fiorde. A cidade praiana de Budva é outro real destaque, mas você também deveria tentar reservar algum tempo para visitar as ruínas de Stari Bar.

    Longe da costa, os prazeres do país estão confinados principalmente às montanhas, principalmente o espetacular parque nacional deDurmitor, enquanto a antiga capital de Montenegro, Cetinje também merece sua visita; a atual capital, Podgorica, recebe poucos visitantes, mas tem seu charme.