Isafjordur

A casa islandesa mais antiga
Um patrimônio arquitetônico notável
Naustahvilft, o “trono do troll”

Procurar cruzeiros no Norte da Europa

Isafjordur

Onde história e lenda se unem

Quando o seu cruzeiro MSC no norte da Europa levá-lo ao ponto noroeste da Islândia, você ancorará em Isafjordur, uma pequena cidade de origens antigas.
Em Isafjordur, conheça a mais antiga casa islandesa ainda de pé, construída em 1743. Nos arredores de Bolungarvík, o local mais ao norte nos fjords ocidentais, pode-se visitar Ósvör, antes uma aldeia de pescadores e agora um museu ao ar livre.

O passado ressurge também na antiga cidade de Nedstikaupstadur, onde primeiro os comerciantes islandeses e noruegueses, e depois, britânicos e alemães, encontraram-se na baía de Isafiord, em meados do século XV. Aqui, na segunda metade do século XVIII, Krambud (a loja) foi construída e transformada, no século XX, em uma casa particular; também Faktorshus (a casa dos agricultores); Tjoruhus (a casa do alcatrão) e Turnhus (a casa da torre) usadas como depósitos e centros de processamento de peixes.

Durante o seu cruzeiro MSC pelo norte da Europa, se quiser ter uma ideia de como os islandeses viviam no passado, não deixe de fazer uma excursão a Vigur, literalmente a “ilha em forma de lança”. Suas águas abrigam muitos leões-marinhos que se alimentam de aves como o papagaio-do-mar, torda-mergulheira, a agressiva andorinha-do-mar-ártica, que pode atacar pessoas quando se sente ameaçada, e o êider-edredão.

Outro espetáculo da natureza é Naustahvilft, o “trono do ogro”, uma grande depressão em forma de meia-lua nas montanhas planas que circundam o Isafjordur fjord. Diz a lenda que ela foi criada quando a luz do sol atingiu um ogro sentado na montanha com os pés na água.

Não importa se acredita na lenda ou na mais provável explicação de um vale escavado pelo gelo durante a última era glacial, não perca essa breve, mas intensa, excursão, que sem dúvida vale a pena.

Lugares imperdíveis em Isafjordur

Conheça nossas excursões

    Islândia

    Fontes de lava em meio ao gelo
    Fontes de lava em meio ao gelo

    Uma viagem para a Islândia é como descobrir outro mundo. Mesmo se já tiver imaginado como será, esta ilha o surpreenderá.
    Não são muitas as pessoas que sabem que Reykjavík, a capital da Islândia, tem uma vida artística e social intensa. Nem sabem também que a natureza islandesa é muito exuberante porque as temperaturas no verão são incrivelmente amenas ou que o inverno, quando o céu fica pintado com as cores das luzes do norte, não é tão frio como pensam.

    A Islândia é capaz de atrair você com suas piscinas de lama fervente, com os incríveis gêisers, as geleiras e as cachoeiras e muito mais. Tente se entregar à observação dos pássaros no Lago Mývatn ou fazer uma excursão para ver as baleias. O mar da Islândia é um dos melhores lugares no mundo para ver estes grandes cetáceos.
    Se você gostar de gelo, visite Jökulsárlón, a maior lagoa congelada do país a qual se forma onde a geleira Breiðamerkurjökull encontra as águas do Oceano Atlântico.
    E se você pretende relaxar, você precisa saber que existem mais de 170 piscinas geotérmicas no país, como a esplêndida e terapêutica Lagoa Azul, a cerca de 40 km de Reykjavík, uma grande piscina alimentada por uma fonte que joga água a uma temperatura que varia entre 37 e 39ºC, rica em minerais e com propriedades terapêuticas.